Teatro em filme, vintage

 

Ao rever no cinema Ideal o Stop Making Sense, o conhecido filme de Jonathan Demme que regista um concerto dos Talking Heads realizado em 1984, continuei sem ter a certeza como se distribuem os méritos da empreitada. É certo que o realizador filmou e montou com mestria, mas também não é menos verdade que Byrne e companhia lhe ofereceram um banquete de coreografias improváveis, danças intermináveis, cenários em movimento, indumentárias fascinantes, faces expressivas, um teatro absoluto servido por um som imparável e mais moderno que os mais contemporâneos. Foi divertido, e a falta de suporte para a cabeça que caracteriza as cadeiras do cinema Ideal fez finalmente sentido: é claramente um cinema para musicais que obriguem a abanar a mona.

Advertisements
Standard

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s